Exercise Health Benefits / Benefícios dos Exercícios à Saúde

As a form of exercise, yoga offers benefits that are sometimes not easily found among other exercise regimens.

  • Low risk of injury. Due to the low impact of yoga and the controlled aspect of the motions, there is a very low risk of injury during yoga practice compared to other forms of exercise.
  • Parasympathetic Nervous System. In many forms of exercise, the sympathetic nervous system kicks in, providing you with that fight-or-flight sensation. Yoga does the opposite and stimulates the parasympathetic nervous system. The parasympathetic system lowers blood pressure and slows the pace of your breathing, which allows relaxation and healing.
  • Muscle tone. Consistently practicing yoga leads to better muscle tone.
  • Subcortex. Subcortical regions of brain are associated with well-being, and yoga is thought to dominate the subcortex rather than the cortex (where most exercise dominates).
  • Reduced oxygen consumption. Yoga consumes less oxygen than traditional exercise routines, thereby allowing the body to work more efficiently.
  • Breathing. With yoga, breathing is more natural and controlled during exercise. This type of breathing provides more oxygen-rich air for your body and also provides more energy with less fatigue.
  • Balanced workout of opposing muscle groups. As with all of yoga, balance is key. If a muscle group is worked in one direction, it will also be worked in the opposite direction to maintain balance. This balance results in a better overall workout for the body.
  • Non-competitive. The introspective and self-building nature of yoga removes any need of competition in the exercise regimen. With the lack of competition, the yogi is free to work slowly to avoid any undue injury as well as promote a more balanced and stress-free workout.
  • Joint range of motion. A study at the University of Pennsylvania School of Medicine indicated that joint range of motion was improved by participants who practiced yoga.
  • Eye-hand coordination. Without practice, eye-hand coordination diminishes. Yoga maintains and improves eye-hand coordination.
  • Dexterity. The strong mind-body connection and flexibility gained from yoga leads to grace and skill.
  • Reaction time. Research done in India shows that reaction time can be improved with specific yoga breathing exercises in conjunction with an already established yoga practice. The improvement was attributed to the faster rate of processing and improved concentration gained from yoga.
  • Endurance. Working the entire body, yoga improves endurance and is frequently used by endurance athletes as a supplement to their sport-specific training.
  • Depth perception. Becoming aware of your body and how it moves, as one does in yoga practice, leads to increased depth perception.

__________________________________________________________________

Como uma forma completa de exercícios, o Yoga oferece benefícios que não são facilmente encontrados em outras atividades físicas.

  • Baixo risco de lesões. Devido ao baixo impacto dos movimentos controlados do Yoga, existe um risco muito baixo de lesões durante a prática de yoga em comparação com outras formas de exercício físico.
  • Sistema nervoso parassimpático. Em muitas formas de exercício, o sistema nervoso simpático entra em ação, fornecendo-lhe com aquela sensação de luta ou fuga. O Yoga faz o oposto e estimula o sistema nervoso parassimpático. O sistema parassimpático reduz a pressão arterial e diminui o ritmo da respiração, o que permite o relaxamento.
  • Tônus ​​muscular. Praticar yoga regularmente fortalece os musculos e articulações, mantendo-os ativos e estimulados, proporcionando tônus ​​muscular.
  • Subcórtex. Regiões subcorticais do cérebro estão associadas com o bem-estar, e o yoga alimenta a região subcortical do cérebro que ajuda a processar os dados sensoriais.
  • Redução do consumo de oxigênio. Yoga consome menos oxigênio do que rotinas de exercícios tradicionais, permitindo assim que o corpo a trabalhar mais eficientemente.
  • Respiração. Através do yoga, a respiração é mais natural e controlada durante o exercício. Este tipo de respiração fornece ar mais rico em oxigênio para o seu corpo e mais energia com menos fadiga.
  • Treino equilibrado de grupos musculares opostos. No yoga, o equilíbrio é fundamental. Se um grupo muscular é trabalhado em uma direção, ele também vai ser trabalhado na direção oposta para manter o equilíbrio. Este equilíbrio resulta numa melhor treino geral para o corpo.
  • Não competitivo. A natureza introspectiva e de auto-percepção do yoga elimina qualquer necessidade de concorrência no regime de exercícios. No Yoga não existe competição, o praticante é livre para trabalhar lentamente seu corpo e assim evitar qualquer lesão indevida, bem como promover um treino mais equilibrada e livre de estresse.
  • Amplitude de movimento articular. Um estudo da Universidade da Pennsylvania de Medicina nos EUA indicou que a amplitude de movimento articular foi melhorada com os participantes que praticaram Yoga.
  • Coordenação olho-mão. Sem a prática, a coordenação olho-mão diminui. O Yoga mantém e melhora a coordenação olho-mão.
  • Destreza. A forte conexão mente-corpo e flexibilidade adquirida com yoga leva à graça e habilidade. Pesquisas feitas na Índia mostram que o tempo de reação pode ser melhorado com exercícios de respiração específicas em conjunto com uma prática de yoga já estabelecida. A melhoria foi atribuída à taxa mais rápida de processamento e melhora a concentração obtida com yoga.
  • Resistência. Trabalhando o corpo inteiro, o Yoga melhora a resistência e é freqüentemente usado por atletas de resistência como atividade complementar à sua formação específica do esporte.
  • A percepção de profundidade. Tornar-se consciente de seu corpo e como ele se move, como se faz na prática de yoga, com consciência e atenção, levando ao aumento da percepção e conexão de profundidade.